Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?

0
328
Fotografia: Daniel McCullough

Pode parecer uma pergunta inocente, mas muita gente se confunde na hora de realizar seus desenhos técnicos. Principalmente no que diz respeito ao que representar em cada escala e quais níveis de detalhamento devem aparecer.

Esse artigo vai te dar uma ajuda com isso, nós sabemos que muita gente hoje em dia utiliza softwares como Revit (que realiza todas essas representações de escala automaticamente). Mas, é sempre bom saber o que se está fazendo não é mesmo?

Antes de falar sobre o que vai em cada escala, você realmente entende o que elas são e como funcionam?

Entendendo as escalas

Escalas são medidas que usamos para representar alguma coisa em um tamanho diferente do seu tamanho real.

escalas - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Imagem retirada do site Passei Direto com a Tag Desenho Técnico UEL. Disponível aqui.

Como podemos ver nessa figura, temos os mesmos personagens representados em três escalas diferentes: 1/25, 1/50 e 1/100.

Esses números significam o quanto o desenho foi aumentado ou reduzido em relação ao modelo original.

Parece confuso? Calma que já vai melhorar, preparamos uma tabelinha básica para você salvar e consultar sempre que tiver dúvida.

guia escala 2 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?

Nós utilizamos a escala sempre que precisamos detalhar alguma coisa ou representar algo que não é financeiramente viável de ser representado no seu tamanho real.

Em arquitetura as escalas fazem parte do nosso dia a dia e justamente por isso é essencial que entendamos elas, seja para produzir mapas urbanos ou aquele detalhe no forro da sala.

Mas quando eu sei qual escala usar?

Isso vai depender muito do que você quer representar e do nível de detalhamento que será apresentado. Nós separamos uma tabelinha com as escalas mais utilizadas e falaremos um pouco delas.

escala de projetos arquitetonicos tipos de escala 1 768x521 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Tabela de escalas mais usuais.
Fonte: Vivadecora

Escalas de Ampliação

Nessas aqui você vai desenhar seu modelo de referencia maior do que ele realmente é. Usamos isso principalmente quando queremos detalhar algo muito pequeno ou precisamos evidenciar algo.

Exemplos: Colocação de parafusos, furos, desenhos de pastilhas, encaixe de peças, etc.

Vale lembrar que quanto maior fica o objeto, mais detalhes devem ser representados no desenho.

Cuidado! Se você só pegar o mesmo desenho e ampliar ou reduzir estará fazendo errado.

Talisca de madeira 1 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Detalhe de encaixe de talisca em madeira.
Fonte: Meu espaço móveis.

Na arquitetura é menos usual se usar a escala de ampliação, geralmente quem trabalha bastante com isso é o pessoal de mecânica, elétrica e até hidráulica. Mas é importante saber que existe, nunca se sabe quando vai precisar.

Escala natural

Para essa escala eu vou passar uma dica prática que serve para a vida. Tenha sempre uma fita crepe ou barbante contigo quando for visitar um cliente que quer construir ou demolir alguma coisa.

Pode parecer besteira, mas mostrar no próprio espaço como vão ser as alterações é uma maneira bem efetiva de fazer as pessoas entenderem o que as vezes não fica claro no papel ou 3D.

Escala de Redução

Essas são as mais usuais e todos precisamos conhecer bem, pois fazem parte do nosso dia a dia.

De 1:2 até 1:25 é o que utilizamos para detalhamento. Sabe aquela junção que precisa mostrar, ou o nicho ampliado, ou até mesmo a sanca do forro?

Então, para esses desenhos utilizamos um detalhamento maior e precisamos de figuras ampliadas. É importante deixar o desenho claro e de fácil leitura para que a pessoa ao executar a obra não tenha problemas ou dúvidas.

Use e abuse dos detalhamentos, identifique os materiais, deixe o mínimo possível de brechas para que ocorram erros.

detalhes - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Detalhes construtivos de telhado.
Fonte: Renato Arruda Fraga.

A escala 1:50 nós usamos geralmente em plantas de interiores, quando queremos mostrar layout, mobiliário, instalações, paginação de piso, vistas externas, etc. O nível de detalhamento dela é inferior ao das escalas anteriores, mas é superior as posteriores.

Por exemplo, se você for mostrar uma planta baixa vai dar para ver mais detalhes da parede do que em uma planta 1:100.

Aparece a hachura do material, esquadrias mais trabalhadas e o próprio desenho das mobílias tem mais linhas.

Piso1 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Fonte: Ruy Santos, Geocities.

Desenhos 1:100 até 1:500, esse aqui geralmente são mais amplos, cobrem lotes, implantações, grandes áreas, perfis e em alguns casos as elevações do terreno.

Nesses, o nível de detalhamento é bem diferente, a principal preocupação fica por conta de representar o panorama geral.

É bem comum a presença de vegetação, as esquadrias são mais simplificadas, os móveis tem menos traços e as paredes geralmente aparecem preenchidas sem hachura.

apartamento aspen5715 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Fonte: Galeria da Arquitetura.

Nas escalas de 1:500 em diante é onde trabalhamos projetos urbanos, condomínios e mapas de uma maneira geral.

Suas linhas são mais simplificadas e o detalhe quase que se perde por conta da escala. O foco aqui são os grandes volumes, acessos, corpos de água, equipamentos e massas de vegetação.

PP54 Imagem Enquadramento Implantacao - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Plano de Zona
Fonte: Câmara Municipal de Povoa de Varzim.

No geral quando falamos nas escalas de redução, quanto menor o valor utilizado, maior vai ser o nível de detalhamento e quantidade de traços. 1:25 mostra mais detalhes que 1:250.

Em contra partida, quanto maior o valor utilizado, maior será a área representada no desenho.

Escala gráfica

As vezes por diversos motivos você precisa realizar um desenho que pode ser alterado em tamanho e ai aqueles valores da tabela não vão te atender.

Nessas situações nós utilizamos a escala gráfica, isso é, uma escala que usa o próprio desenho como referência, desse modo é possível aumentar/reduzir sem perder os valores de tamanho.

Desenhos CORTES 3 - Você realmente sabe como utilizar escalas na arquitetura?
Fonte: ArchDaily.

Bacana, mas como faz isso? Vou te ensinar uma dica que aprendi na faculdade. Escolha um objeto do desenho que você conheça o tamanho, uma porta por exemplo. Você sabe que essa porta tem 2 metros. Dai em diante é fácil, basta fazer uma barra do tamanho da porta e usar essa medida para gerar outras.

0__________2__________4__________6

Agora sempre que precisar aumentar ou diminuir o desenho, essas barras vão aumentar ou diminuir junto e ai seu trabalho mantem sua integridade.

Esperamos que essas dicas sejam úteis, o Habitamos agradece sua presença. Curta, compartilhe e se achar que faltou alguma coisa ou que o artigo te ajudou, deixa um comentário.

Assine a Newsletter do Habitamos

No spam guarantee.

Deixe seu comentário e contribua com o crescimento do Habitamos