Fonte: divulgação Foster + Partners

O escritório arquitetura britânico Foster + Partners, lançou esse ano o projeto #architecturefromhome, com o propósito de fornecer atividades relacionadas a arquitetura para serem desenvolvidas com crianças em casa durante o período de isolamento social.

O projeto começou em Abril e tem como objetivo incentivar as crianças a criar, desenhar, brincar e pensar sobre arquitetura.

Fonte:https://www.fosterandpartners.com

Foram postadas até o dia da publicação desse artigo, sete atividades diferentes, sendo elas:

O arranha céu de papel

Onde dão um modelo de dois módulos para imprimir, cortar e colar, que se tornam peças empilháveis

Crie sua própria cidade

Moldes de peças de vários formatos, para se criar cidades do jeito que a criança imaginar

Desenhando árvores

Onde tem uma imagem ensinando algumas técnicas de desenho em perspectiva, mostrando que não há tantos segredos assim, e também o desenho disponibilizado para crianças menores poderem pintar

Archi-parts

Onde se desenha um grande arquiteto e sua obra, por partes separadas e que juntas podem dar uma imagem bem engraçada

Foto-história

Que foi disponibilizado um convite as crianças a contarem uma história a partir de fotos/ imagens, assim como contamos histórias sobre arquitetura.

Tensão do edifício

Onde foi disponibilizado um livreto que explica como as forças de tensão e compressão atuam juntas para manter os edifícios altos em pé.

Fonte:https://www.fosterandpartners.com

Enfim, iniciativas como essa são muito importantes porque desenvolvem habilidades nas crianças de hoje que podem ser usadas pelos adultos que irão compor as cidades futuras, formando cidadãos criativos e que pensam sobre suas cidades.

Para acessar essas atividades acesse através desse link que vai para o site oficial do projeto.

Se quiser se manter informado sobre outras notícias ou eventos, temos uma sessão totalmente dedicada a eles, clique aqui e fique por dentro do que está acontecendo!

Assine a Newsletter do Habitamos

No spam guarantee.

Deixe seu comentário e contribua com o crescimento do Habitamos